Pessoas que estão falando com você, mas quando veem um espelho, continuam a falar com você, mas olhando apenas e somente sua imagem — falando — refletida e, de repente, começam a articular melhor as palavras, sorrir de um jeito diferente, virar o rosto para, talvez, encontrar o melhor ângulo na visão dela. Sim, eu passei por isso. E senti medo. 8513869_1_620

Quadro Mirror, de Roy Lichtenstein, 1972