Rio de Janeiro

Búzios: Com as mais belas praias do litoral fluminense (e pouca chuva), o balneário é também o mais completo destino de verão do Brasil

Entre a Praia do Canto e a Praia dos Ossos, a região central de Búzios, as centenas de barcos de pescadores formam uma das imagens icônicas desta península que mais parece uma ilha e entrou no mapa dos viajantes — principalmente brasileiros, franceses e argentinos — na década de 1960. Imagem: Shoichi Iwashita Do cavaleiro Villegagnon, que fundou no século 16 a França Antártica na costa do que é hoje o estado do Rio de Janeiro, à Brigitte Bardot, que em 1964 e 1965 passou meses nessa aldeia de pescadores sem água encanada e...


Térèze: Cozinha contemporânea, técnica francesa, chef uruguaio e ingredientes brasileiros no restaurante mais especial do bairro de Santa Teresa

Peixe do dia com purê de couve-flor, legumes, PANCs e tinta de lula. Ótimos ingredientes e apresentação linda neste restaurante com vista para Santa Teresa e o centro do Rio de Janeiro. Imagem: Shoichi Iwashita Sempre considerei o Térèze o endereço gastronômico nas minhas incursões ao bairro histórico de Santa Teresa no Rio de Janeiro (já que, tirando o Aprazível, não são tantas opções de restaurantes assim por lá), seja para começar o dia tomando o café da manhã aberto para não-hóspedes antes de passear pelo bairro (R$...


Hotel Ipanema Inn: O melhor custo-benefício na melhor localização do Rio de Janeiro

Não há melhor vida que a ponte aérea Rio – São Paulo, aproveitando o melhor desses dois mundos de estilos de vida tão diferentes; e complementares. E se podem pesar um pouco no bolso os R$ 2000 por noite no hotel Fasano Rio -- sem  café da manhã, e  na baixa temporada --, se hospedar no Ipanema Inn é estar na melhor parte de Ipanema -- ou seja, do Rio de Janeiro, do Brasil (só não vou dizer do mundo porque eu amo o Marais, Covent Garden e West Village tanto quanto) --, e a 100 metros da praia da nossa praia predileta!, pagando...


Lasai: Cozinha de ingredientes – e excelente serviço de café – em um dos melhores restaurantes do Rio de Janeiro

É inadmissível ir a um restaurante gastronômico, pagar caro e sair com fome, já que é de total responsabilidade do chef  — um profissional — o exercício de lidar com os diferentes tamanhos de apetite dos clientes e planejar uma experiência perfeita para todos  (e, acredite, já passei por isso algumas vezes). E como eu tinha feito uma reserva para as 21h30 (por causa do cansaço do dia na praia, no Rio eu sempre gosto de tirar um cochilo antes do jantar), em vez de escolher o menu com 14 etapas-tapas, intitulado Festival (R$...


WordPress Theme built by Shufflehound. Todos os direitos reservados. © 2018 - Simonde