Moët & Chandon

Hautvillers, o berço do champagne

Apesar de exercer um papel importante na indústria do champagne, Reims é uma cidade maior, com sistema de transporte público, bons hotéis, restaurantes, vida noturna. E, justamente por isso, escapar para Hautvillers, onde nasceu o champagne, e Épernay é tão especial. No alto de uma colina (coteau, em francês) no vale do Marne (onde é plantada a cépage pinot meunier, que junto com a chardonnay  e a pinot noir  formam a tríade de uvas que compõem o champagne ), Hautvillers, que quer dizer "cidade alta", fica no caminho entre...


Épernay

Assim como Reims, Épernay (que está a dez minutos de carro de Hautvillers) está cheia de crayères. São mais de 100 quilômetros de caves subterrâneas nesta elegante cidadezinha de 24 mil habitantes que é a sede das grandes maisons de champagne Pol Roger, Perrier-Jouët, Moët & Chandon, entre outras produtoras menores. (E eu adoro a maneira como os cidadãos daqui são chamados: quem nasce em Épernay é “Sparnaciens”.) A Moët & Chandon é a única grande maison  aberta para visitação (super organizada, profissional e...


WordPress Theme built by Shufflehound. Todos os direitos reservados. © 2018 - Simonde