T Fondaco Dei Tedeschi: Vista de tirar o fôlego de Veneza no posto comercial que resgata a história da Serenissima

Nas viagens, prefiro sempre passar meu tempo em museus, restaurantes e cafés (acompanhado de livros, revistas, jornais, computador e celular) que em lojas. Mas na cidade que construiu sua glória sendo a ligação comercial entre o Ocidente e o Oriente entre os séculos 13 e 16, talvez faça sentido escrever sobre uma loja que resgata essa herança. Ainda mais 1. se essa loja ocupar uma antiga e gigantesca residência-depósito de um rico mercador de origem alemã construída no século 13 — a maior construção de Veneza com sete mil...


Détaxe: O guia definitivo de como fazer tax-free na França

Fazer compras e receber € 120 de volta a cada € 1000 gastos no fim da viagem é sempre uma delícia (dá aquela sensação de que os estragos na fatura do cartão de crédito serão mais amenos). E o melhor é que o processo de se obter a restituição do imposto nunca foi tão fácil na França (várias vezes eu havia deixado de fazer por preguiça das filas, da burocracia). Pois essa é uma das grandes vantagens de se fazer compras na Europa — principalmente nas grandes marcas de roupas, acessórios, joias e relógios —: além...


Le Cinq: Um restaurante três estrelas onde cada prato celebra um ou, no máximo, dois ingredientes

Uma das exigências para que um hotel na França receba a distinção palace  é a gastronomia de exceção {para entender o que é e quais são esses hotéis hors concours, clique aqui}. E, por isso, Paris é a cidade onde alguns dos melhores restaurantes — não só da cidade, mas do mundo — ficam dentro de hotéis. Mas se Alain Ducasse, que é responsável pelos restaurantes principais do Plaza Athénée e do Meurice, e os restaurantes dos novos palaces  chineses — Shangri-La, Mandarin, Peninsula — têm caminhado para ambientes...


Billie Holiday e Louis Armstrong em cena emocionante de New Orleans

Beirando os limites do French Quarter, Storyville  era a zona de luz vermelha de New Orleans — e um dos grandes berços do jazz —, onde a prostituição foi legalizada em 1897 (hoje, ela é ilegal em todo o território estado-unidense, com exceção de alguns counties  no estado de Nevada, mas apenas em bordéis regulamentados). Dos anos 1890 até a Primeira Guerra Mundial, quase CEM bordéis de luxo — saloons  onde a dança, a bebida, o jogo, o jazz  e as quase 700 meninas listadas por ordem alfabética no Blue Book, um diretório...


Cha Cha: Um Charlô à la Nova York, aberto o dia todo e com ótimas sobremesas

Os paulistanos na faixa dos 40 anos de idade lembram-se do Charlô Whately não só como o nome por trás do Bistrô Charlô, o bom e longevo restaurante na Barão de Capanema nos Jardins, mas também do homem bem nascido e de olhos azuis que acabara de voltar de Paris e começou a vender sob encomenda incríveis patês à la française  e que se tornou o banqueteiro de algumas das festas mais elegantes de São Paulo. E o Cha Cha, delicatessen  que abriu a uma quadra da parte mais corporativa da Faria Lima (estrategicamente a 150 metros dos...


WordPress Theme built by Shufflehound. Todos os direitos reservados. © 2018 - Simonde